terça-feira, 23 de agosto de 2016

Identidade Secreta

Os Melhores do Mundo
Através do viés da história que é contada numa história em quadrinhos podemos dizer que os super-heróis assumem identidades secretas para proteger sua família e entes queridos. Como no exemplo da origem do Homem-Aranha que deixa um bandido escapar e depois descobre que o mesmo foi responsável pelo assassinato de seu tio. Peter Parker, o alter-ego do Homem-Aranha jura, então, usar seus poderes com responsabilidade e isso envolve não revelar sua identidade para o mundo. Por outro lado, se analisamos de um ponto de vista externo às histórias concluiremos que as identidade secretas como Peter Parker e Clark Kent existem com o intuito de trazer o leitor para realidade da HQ.

Tiras livres: um novo gênero dos quadrinhos

Por Henrique Magalhães -Marca de Fantasia
Tiras livres: um novo gênero dos quadrinhosPaulo Ramos
Série Quiosque, 32
João Pessoa: Marca de Fantasia, 2014. 80p. R$20,00.
ISBN 978-85-67732-08-4

2a ed. digital. 2016, 82p. R$5,00.
ISBN 978-85-67732-59-6
Há alguns anos, em sua trajetória acadêmica como professor e pesquisador, Paulo Ramos vem se dedicando a investigar os quadrinhos com um olhar perspicaz sobre sua linguagem e transformações. Um de seus temas prediletos é o formato tira, expressão dos quadrinhos que vai muito além de uma circunstância espacial para constituir-se em novos gêneros. 
Na apresentação desta obra o autor afirma que há uma mudança significativa nas tiras brasileiras: “Parte delas deixou de lado a herança do humor e passou a tatear outras temáticas. Visualmente, elas começaram a apresentar experimentações gráficas. Era algo novo, diferente, que ganhou força e repercussão a partir de meados da primeira década deste século.”
A esse fenômeno, que tem na obra de Laerte sua força expressiva máxima, Paulo passou a denominar tiras livres. O estudo que ora se apresenta é o aprofundamento de suas pesquisas com esse tipo de quadrinhos, que já havia merecido enfoque em seu livro Faces do Humor – Uma Aproximação entre Piadas e Tiras, de 2011 e em várias pesquisas e comunicações em congressos nacionais e internacionais de Linguística, Literatura e Comunicação. 

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

A Colorização da Pele dos Super-Heróis

Muitos artigos por aí falam sobre representações étnicas nos quadrinhos, mas poucos deles falam de como estes personagens são e eram colorizados de acordo com suas etnias. A colorização errônea da pele dos personagens é um pecado que a indústria dos quadrinhos ainda comete quando se trata de representar a variedade racial dos quadrinhos. A seguir, uma breve análise das representações étnicas através das cores nos quadrinhos:
Um ZOOM na obra de Roy Liechenstei
Um ZOOM na obra de Roy Liechenstei
Vamos começar pela raça caucasiana, porque sim, até essa teve dificuldade de ser representada. A cor da pele branca nos quadrinhos sempre foi difícil de sintetizar. Como podemos ver através de uma amplificação dos quadros de pop art de Roy Liechenstein, percebemos as retículas que formam a cor da pele caucasiana: bolinhas vermelha e amarelas se entrelaçando sobre fundo branco que, através do irônico efeito Monet, a olho nu parecem uma cor só. E assim ela foi mostrada até a digitalização das cores.

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

É O QUE??? 7 exemplos polêmicos de “embranquecimento” de personagens em Hollywood??!!

Polêmica mais recente envolve a escolha de Matt Damon para filme sobre a Muralha da China
Há muito tempo, Hollywood lida com polêmicas sobre escalações de atores brancos para papeis de personagens de outras etnias. A questão levanta o debate sobre a falta de diversidade nos filmes, séries e na publicidade, com público ficando ofendido e irritado e atores e executivos tentando se defender. O assunto ganhou até um nome nos EUA: Whitewashing, que seria algo como 'embranquecimento' ou 'lavagem branca'. Veja exemplos a seguir!Matt Damon em A Grande MuralhaO caso mais recente envolve a escalação de Matt Damon como protagonista do filme A Grande Muralha. A história se passa na China e, mesmo que várias pessoas do elenco sejam chinesas, colocar um homem branco e americano no papel principal desagradou muita gente. O diretor do filme, o chinês Zhang Yimou, se defendeu em carta ao Entertainment Weekly. — Matt Damon não está interpretando um papel que tenha sido concebido para um ator chinês. Há cinco grandes heróis na nossa história e ele é um deles, os outros quatro são chineses. Mesmo assim, internautas não se convenceram e alegaram que apenas Damon aparece nos cartazes e é o foco do trailer do filmeAcesse o R7 Play e assista à programação da Record quando quiser
Há muito tempo, Hollywood lida com polêmicas sobre escalações de atores brancos para papeis de personagens de outras etnias. A questão levanta o debate sobre a falta de diversidade nos filmes, séries e na publicidade, com público ficando ofendido e irritado e atores e executivos tentando se defender. O assunto ganhou até um nome nos EUA: Whitewashing, que seria algo como "embranquecimento" ou "lavagem branca". Veja exemplos a seguir!

1. Matt Damon em A Grande MuralhaO caso mais recente envolve a escalação de Matt Damon como protagonista do filme A Grande Muralha. A história se passa na China e, mesmo que várias pessoas do elenco sejam chinesas, colocar um homem branco e americano no papel principal desagradou muita gente. O diretor do filme, o chinês Zhang Yimou, se defendeu em carta ao Entertainment Weekly. 

— Matt Damon não está interpretando um papel que tenha sido concebido para um ator chinês. Há cinco grandes heróis na nossa história e ele é um deles, os outros quatro são chineses.

A CULTURA NERD EM FOTOS ANCESTRAIS

old superheroes 1
Imagine aquela fotografia antiga do seu avô transformada em um retrato do Kick Ass.
O artista Alex Gross cria imagens de ícones da cultura pop a partir de fotos ancestrais, suscitando assim a reflexão sobre a relevância da história, família e memória em nosso mundo consumista, onde SupermanBatmanMário e Marge Simpson parecem ter mais valor e longevidade do que laços de família ou parente falecidos.

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

VIDEOGRAFIA RQ: 10 ANOS!

Quadrinistas potiguares podem publicar suas obras pela FJA!

Você tem a chance de publicar uma revista em quadrinhos em parceria com a Fundação José Augusto


A Fundação José Augusto está conclamando os quadrinistas do Rio Grande do Norte para participar da Coleção Evaldo Oliveira, seguindo as mesmas diretrizes do Projeto Primeira Edição, que entre 2010 e 2011 publicou 30 títulos, totalizando 15 mil revistas impressas.

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Quadrinhos mostram como sociedade trata pais e mães





A ilustradora Chaunie Brusie criou um quadrinho muito sincero retratando a diferença de como a sociedade trata pais e mães.  A tirinha "Saindo em público quando você tem filhos" foi  publicada na página do Facebook Babble e teve mais de 29 mil compartilhamentos.  A constatação é a seguinte: para as mulheres, a maternidade é obrigação, já para os homens a sociedade vê como voluntária. Se você é pai o mãe,  certamente vai se identificar com algumas das situações retratadas.
Confira o quadrinho traduzido pelo Hypeness

Faith e a quebra dos estereótipos nos quadrinhos

Mais e mais têm se discutido a importância da diversidade nas diferentes mídias, desde uma propaganda à uma atriz de cinema e por que não em uma heroína de HQ? Pois essa variedade já está acontecendo e não é de hoje e está adquirindo mais personalidade. Recentemente foi anunciada a revista da super-heroína trans, Chalice (leia a matéria aqui) e agora teremos outra super-heroína fora dos padrões, Faith, que ganhou sua série especial de histórias próprias!

Quadrinhos que nos fazem pensar

Lembre-se destes quadrinhos antes de julgar alguém

Lembre-se destes quadrinhos antes de julgar alguém
O ilustrador australiano Toby Morris criou uma história em quadrinhos que nos lembra que nem todos temos as mesmas oportunidades na vida. É uma narrativa sobre duas pessoas nascidas em famílias diferentes e sobre o papel exercido por seus familiares em seus respectivos destinos.
Incrível.club traduziu para você esta história para fazer pensar.

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Bienal de Quadrinhos de Curitiba anuncia Pochep e Lucas Varela

03
É com alguma vontade de dar pulos de alegria que a Bienal de Quadrinhos de Curitiba anuncia a vinda de mais dois quadrinistas internacionais: o francês Philipe Pochep e o argentino Lucas Varela. Eles agora se juntam ao time de convidados estrangeiros formado pelo catalão Joan Cornellà, pelo peruano Jesús Cossio, pela equatoriana Power Paola e pelo uruguaio Gervasio Troche – todos eles confirmadíssimos no evento que acontece de 8 a 11 de setembro no MuMA, o Museu Municipal de Arte (lembrando que, infelizmente, a israelense Rutu Modan teve de cancelar sua participação).

SAIBA TUDO SOBRE A MOSTRA DE ANIMAÇÃO JAPONESA QUE IRÁ ACONTECER EM NATAL

perfectblue1
O Cineclube Natal, em parceria com o Teatro de Cultura Popular da Fundação José Augusto, realiza no próximo mês de agosto mostra de longas e curtas de animação japonesa, numa oportunidade rara de assistir a filmes como Whisper of the Heart, dos estúdios Ghibli, ou Mind Game, inspirado nos quadrinhos de mesmo nome. A mostra vai de 17 a 20 de agosto, às 18h30, no Teatro de Cultura Popular Chico Daniel, e a taxa de manutenção cobrada pelo Cineclube Natal é de R$ 5.

EXPOSIÇÃO APRESENTA RELEITURA DA HISTÓRIA DO RN

Desde a última segunda-feira  (dia 1° de agosto), o Museu Nísia Floresta, está  expondo em sua galeria de artes visuais a Mostra sobre a HISTÓRIA DO RN ILUSTRADA que possui a curadoria do professor e artista plástico Luiz Elson Dantas.
Luiz Elson Dantas - o curador da Mostra.
Está série integrou a Caravana do RN: 500 anos de História, um projeto que contou com o apoio da Eletrobras e percorreu diversas cidades do interior do Estado durante as comemorações do quincentenário do Brasil.

A mostra foi uma produção coletiva do Grupo de Pesquisa e Estudo de Histórias em Quadrinhos – GRUPEHQ e reúne o trabalho dos artistas gráficos, Emanuel Amaral, Luiz Elson Dantas, Márcio José e Carlos Alberto, que transportaram para as telas momentos marcantes da história e da cultura potiguar - da pré-história aos dias atuais. A pesquisa histórica foi realizada por Emanuel Amaral e Alcides Sales, integrantes e fundadores do GRUPEHQ.

sexta-feira, 29 de julho de 2016

Exposição de filatelia sobre os Jogos Olímpicos é destaque no Praia Shopping em Natal

Quando a Inglaterra emitiu o primeiro selo postal, o Penny Black, em 1940, mal sabia que dentro de poucos anos esse singelo objeto se tornaria um primoroso item colecionável no mundo inteiro.

Em 2016, a filatelia (estudo e coleção de selos e materiais relacionados) está completando 160 anos, e o Praia Shopping aproveita a data para trazer uma exposição filatélica com a temática “Jogos Olímpicos”, saudando também a primeira vez em que o evento será realizado no Brasil.

HQPB: Quadrinhos e Cultura Pop na Paraíba

 Wind Witch, personagem usada como logotipo do evento de 2016 criada por Paulo Morais e Giovana Leandro aka criado pela equipe Eudetenis.
Wind Witch, personagem usada como logotipo do evento de 2016 criada por Paulo Morais e Giovana Leandro da equipe Eudetenis.
O HQPB 2016 será realizado nos dias 24 e 25 de Setembro de 2016, nas dependências do Espaço Cultural José Lins do Rego. Esta será a 9ª edição do evento que ao longo dos anos se tornou o maior do estado dedicado exclusivamente às Historias em Quadrinhos (HQs) e a Cultura Pop.

quinta-feira, 28 de julho de 2016

De Buffy a She-ra: ilustrador brasileiro imagina heroínas em situações do cotidiano

Buffy, SheRa e Tempestade (Reprodução/Instagram)
O ilustrador brasileiro Marciano Palácio ganhou destaque no Instagram e em sites internacionais por repensar as nossas heroínas favoritas como adolescentes e em situações do cotidiano.

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Paraenses fazem financiamento coletivo para super-heróis indígenas

'Esquadrão Amazônia' é uma equipe inspirada no norte do Brasil.
Criada por Joe Bennett, revista terá roteiros de Alan Yango

Esquadrão Amazônia é um grupo de heróis criado por Joe Bennet (Foto: Joe Bennet / Arquivo Pessoal)Esquadrão Amazônia é um grupo de heróis criado por Joe Bennet (Foto: Joe Bennett / Arquivo Pessoal)
Os quadrinhistas paraenses Joe Bennett e Alan Yango abriram um projeto de financiamento coletivo na internet para publicar uma história em quadrinhos de super-heróis com personagens inspirados no folclore regional, o Esquadrão Amazônia.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

PERSONAGENS DE STAR WARS COMO BONECAS RUSSAS

Personagens de Star Wars como bonecas russas
Andy Stattmiller retratou os personagens de Star Wars como bonecas russas em uma de suas coleções de esculturas.
O artista lançou bonecos com os personagens de Star Wars IV: Uma Nova Esperança.
Star-Wars-Como-Bonecas-Russas-Geekness (1)

Auto da Catingueira em Quadrinhos no CATARSE

Marcos Guerra e Edinara Medeiros decidem adaptar a ópera "Auto da Catingueira" para Quadrinhos! Inicia-se aqui a campanha de financiamento coletivo, ajudem o projeto: https://www.catarse.me/auto#about

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Nissan convoca super-heróis para campanha publicitária do novo Sentra


Conheça os novos heróis que vão salvar sua rotina em www.nissansentra.com.br (clique no link e veja um comercial interativo).

Animação brasileira sobre criança refugiada é a grande vencedora em Cannes

Baseado na história real de uma menina de sete anos, o curta foi produzido com a participação de voluntários brasileiros a pedido da UNICEF, para divulgar e alertar sobre a crise humanitária na Síria e os abusos contra menores de idade
A animação, baseada em fatos reais, foi produzida a pedido da Unicef e ganhou cinco Leões em Cannes, entre eles o
A animação, baseada em fatos reais, foi produzida a pedido da Unicef e ganhou cinco Leões em Cannes, entre eles o "Grand Prix for Good" - Foto: Divulgação/ Malak e o Barco


A animação brasileira "Malak e o Barco" foi a grande vencedora da edição 2016 do Festival Internacional de Criatividade de Cannes. O curta, com duração de dois minutos, mostra a batalha enfrentada pela menina síria Malak, de apenas sete anos, que foi sobrevivente de um barco com refugiados que cruzou o Mediterrâneo. 
A animação, baseada em fatos reais, foi produzida a pedido da Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e ganhou cinco Leões em Cannes, entre eles o "Grand Prix for Good", que é o prêmio máximo do Festival. Ao longo da história apenas sete condecorações como esta foram entregues a campanhas humanitárias. A animação também levou para casa um Leão de um ouro, um de prata e dois de bronze.

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Estudantes produzem e expõem charge, caricatura e cartum na escola

exposicao
Despertando o olhar crítico dos alunos através da Arte, a Escola Municipal José Ommati desenvolveu com as turmas de 6º e 9º ano atividades relacionadas a diferentes tipos de desenhos, como charge, caricatura e cartum. Os estudantes conheceram grandes nomes da área, analisaram obras em sala de aula e participaram de oficinas, culminando em uma exposição artística no pátio da escola.
exposicao-artes

Primeira linha de bonecas com deficiência é sucesso absoluto

Divulgação
Para a criação de uma linha de bonecas com deficiências, a empresa britânica Makies se inspirou na campanha Toy Like Me («Brinquedo como eu»), cujos participantes, com o intuito de apoiar crianças com deficiência, modificavam bonecas comuns para que elas parecessem pessoas reais, e publicavam as fotos nas redes sociais.
Nós do Incrível.club achamos que estas bonecas já deveriam ter sido lançadas há muito tempo.

segunda-feira, 11 de julho de 2016

É O QUE???? Novo "Homem'"de Ferro é uma adolescente negra??!!!

Riri Williams, que tomará o lugar de Tony Stark como o Homem de Ferro
Na mais nova saga da Marvel nos quadrinhos, a adolescente genial Riri Williams tomará o lugar de Tony Stark como o novo "Homem" de Ferro. Segundo o roteirista Brian Michael Bendis disse à revista Times, o evento acontecerá no arco da Guerra Civil 2 das HQs.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...