terça-feira, 14 de agosto de 2012

Quadrinhos e homossexualidade são tema de concurso

Por Henrique Magalhães - Marca de Fantasia

A força expressiva das histórias em quadrinhos têm servido a muitos propósitos, de simples entretenimento, com suas aventuras fantásticas, ao cada vez mais prestigiado recurso pedagógico. Sua primeira manifestação foi humorística, mas logo se descobriu sua enorme capacidade de comunicação e possibilidade exploratória de recursos gráficos e textuais.
Em sua maioria dirigidas aos jovens, os quadrinhos são submetidos a um forte rigor moral, limitando-se a reproduzir a ideologia dominante, com seu teor conservador de ratificação das normas sociais. Por esse motivo se constata um enorme vácuo num tema que encontra resistência em sua abordagem nas mídias “massivas”, a homossexualidade. O tema tem tido avanços em programas televisivos, no cinema, no teatro e na literatura, mas é quase banido quando se trata de revistas em quadrinhos.
São raras as publicações brasileiras na área, quase todas oriundas do meio independente. A Marca de Fantasia aposta no tema e propõe a participação dos autores de histórias em quadrinhos que tratem das questões ligadas à homossexualidade que compartilhem de seu projeto editorial. Para isso, lança um concurso colaborativo, sem caráter profissional, para a seleção de quadrinhos sobre o tema em suas abordagens plurais. A proposta é a edição de um álbum com as melhores histórias, que dê vasão às linguagens visuais e textuais no tratamento de um tema ainda considerado tabu.
Podem participar autor individual, duplas ou grupos que assinem sua obra, descartando o uso de pseudônimo. Os quadrinhos podem ser de qualquer gênero, desde que o foco seja a homossexualidade em suas diversas expressões: gays, lésbicas, bissexuais, travestis, transexuais, transgêneros etc. As histórias devem ser curtas, com até seis páginas. As tiras devem ser pelo menos em número de 10.
Todas as HQ devem ser enviadas até o final de setembro em formato jpg, com 300dpi, para o endereço: henriquemais@gmail.com, juntamente com o título, os autores, endereço, email e pequena biografia. Uma comissão formada por pesquisadores do Grupo de Pesquisa Imaginário!, do Mestrado em Comunicação da UFPB, avaliará as obras e escolherá as que participarão do álbum a ser lançado pela editora Marca de Fantasia. O concurso tem o apoio da loja especializada em quadrinhos Comic House, de João Pessoa, Paraíba.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...