quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Panini quer adiantar publicação da Marvel no Brasil e diminuir delay com os EUA!

Por Judão
Além do painel da DC, a Fest Comix recebeu neste última fim de semana uma palestra com os editores da linha Marvel na Panini/Mythos. O assunto, claro, foram os lançamentos da Casa das Ideias no Brasil nos próximos meses. Tem muita coisa interessante vindo por aí. No entanto, a grande novidade vai ALÉM disso.

Editores da Marvel na Fest Comix (Foto: Renan Martins Frade / JUDAO.com.br)
No Q&A, um dos presentes fez uma importante pergunta para os editores: o que a Panini fará para não aumentar o delay em relação aos gibis da Marvel nos EUA, já que a editora tem feito lá fora a publicação de mais de uma edição por mês em alguns títulos. Aqui no Brasil, como você sabe, são publicadas revistas mix, que misturam diversos títulos estadunidenses em uma só. A única forma de aumentar o material mensal que sai por essas revistas é ampliando o número de páginas ou até com a publicação de novos títulos. Adivinha o que Fernando Lopes, o editor da linha Marvel, respondeu? Justamente isso!
De acordo com o editor, a intenção da Panini é ampliar o número de páginas das revistas mensais quando for necessário, ou até mesmo publicar edições especiais. A editora quer não apenas manter a diferença de tempo entre a publicação nos EUA e no nosso País, como também diminuí-la. Isso aí, você leu certo. Eles querem diminuir o delay em relação aos EUA.

Fernando Lopes, editor da Marvel no Brasil (Foto: Renan Martins Frade / JUDAO.com.br)
Atualmente, o gap entre EUA e Brasil se mantém entre 12 e 15 meses, dependendo da linha e do personagem. Essência do Medo, atual grande crossover da Casa das Ideias no nosso País, teve um delay de 13 meses, por exemplo.


Foi confirmado também que Vingadores vs. X-Men, a versão brasileira de Avengers vs. X-Men, vai começar no primeiro semestre de 2013. Aproveitando que os próprios editores haviam aberto a possibilidade de adiantar as publicações das HQs, perguntei ao Lopes se já havia o mês exato para a publicação do crossover. “Ainda depende do nosso planejamento editorial para o próximo ano”, foi a resposta. Se for mantido o mesmo padrão que em a Essência do Medo, o crossover deve começar em maio do próximo ano.
De qualquer forma, é possível acreditar que a Panini tem total interesse na diminuição da defasagem da publicação entre Brasil e EUA. Fora a competição da venda digital e a questão dos scans, é de se esperar que a editora queira publicar o relaunch da Casa das Ideias, o Marvel NOW!, o quanto antes, atraindo novos leitores e ampliando as vendas. No caso da DC deu certo: a Panini adiantou o reboot por aqui em alguns meses e o resultado nas vendas foi animador, esgotando tiragens de diversos títulos.
Sobre o Marvel NOW! propriamente dito, pouco foi comentado, já que o relaunch ainda está começando nos EUA. A equipe no Brasil ainda precisa de um tempo para ver o que sairá lá fora e estudar a melhor forma de trazer tudo para cá.

Novidades e cancelamentos nas bancas


Ainda para as bancas, a Panini confirma que está elaborando algo nos moldes da Coleção Histórica dos Vingadores para o próximo ano, ou seja, uma compilação de HQs clássicas em uma coleção com preço interessante. O astro da próxima será o Homem-Aranha que, é bom lembrar, ganhou uma coleção assim ainda em 2007, na época do lançamento do filme Homem-Aranha 3. Homens-Aranha, o aguardado crossover entre o novo Aranha Ultimate, Miles Morales, e o Peter Parker do Universo Marvel 616 também sairá no próximo ano, só não foi confirmado se virá como minissérie, edição especial o encadernado. Outra boa notícia é que a Panini e a Mythos estão preparando um lançamento especial para publicar a nova fase do Demolidor por Mark Waid, que ganhou diversos Eisners este ano. Dá para acreditar que será uma nova revista mensal, não?
E se umas podem chegar, outras vão sair. As revistas mensais Grandes Heróis Marvel e Deadpool serão canceladas em dezembro. Ok, os editores não usaram a palavra “cancelar”, mas considere “dar um tempo” um eufemismo para dizer a mesma coisa. No entanto, fica a promessa de que o Deadpool não será esquecido.
Encadernados
Assim como foi com os editores da DC, o pessoal da Marvel tinha muito mais novidades para livrarias e comic shops do que para as bancas. Ainda em 2012, a editora promete lançar Nemesis, minissérie criada por Mark Millar e Steve McNiven para o selo mais autoral da Marvel, o Icon. Por aqui, a HQ (que é ótima) sairá como encadernado.

Nemesis
Outro roteirista badalado que está entre as publicações previstas ainda pra 2012 é Brian Michael Bendis. A editora irá trazer a versão encadernada de Halo: Uprising, que se passa entre os games Halo 2 e 3 e leva a assinatura de Bendis e de Alex Maleev.

Material do Bendis continuará em pauta em 2013. É que no próximo ano a editora programa lançar o primeiro encadernado dos Vingadores Sombrios, versão da equipe criada por Norman Osborn durante a saga Reinado Sombrio. Além dos roteiros de Bendis, a fase tem também a arte do brasileiro Mike Deodato. O encadernado sairá pela linha Marvel Deluxe. Outras séries de encadernados também terão continuidade do próximo ano. Na linha Noir, a Panini irá lançar as edições do Demolidor e do Justiceiro. Ah, e o Justiceiro também ganhará um novo encadernado da versão foda da linha MAX. Já Paraíso X, terceira parte da trilogia que revela o futuro do Universo Marvel pelos olhos de Alex Ross, também chega no próximo ano.
Para os fãs dos mutantes, uma boa notícia: 2013 é o ano no qual a Panini publica o último volume da série de encadernados dos Novos X-Men por Grant Morrison. No novo volume, o roteirista britânico fecha todas as pontas soltas e termina de modificar a personalidade do Ciclope – o que, como você deve saber, acaba por levar o Universo Marvel a grandes transformações e a sagas como Schism e a própria Vingadores vs. X-Men.
Outro lançamento aguardado, aí casando com o novo filme do Homem de Ferro, é a republicação de Extremis, arco de Warren Ellis que não só redefine a origem do personagem, como também cria a sensacional armadura Extremis. A Panini publicou uma versão encadernada do arco em 2009, mas agora a editora promete a Versão do Diretor da HQ, com novos extras e em encadernado de luxo.
Para quem tem interesse em material mais antigo, uma notícia ruim e outra boa. A ruim é que os editores confirmaram que a Panini tirou o pé na publicação da linha Biblioteca Histórica Marvel, aquela que compilava as primeiras aventuras dos personagens da editora em álbuns de luxo. O foco mudou para publicações mais recentes, que dão mais retorno, mas isso não os impedirá de lançar pelo menos um volume por ano. Por outro lado, está programado para o próximo ano a republicação de outro material clássico, Dr. Estranho & Dr. Destino: Triunfo e Tormento, escrito por Roger Stern e desenhado por Mike Mignola (criador do Hellboy) de 1989 e que, por aqui, só apareceu em uma edição de Graphic Marvel em 1991, ainda na época da Editora Abril.
Para encerrar a chuva de novidades para 2013, teremos também O Mágico de Oz, definido pelo Fernando Lopes como uma “grande aposta da Panini”. Trata-se de uma graphic novel publicada em minissérie de oito edições nos EUA em 2009. O resultado foi tão bom que a HQ ganhou o Eisner de Melhor Série Limitada e Melhor Publicação para Crianças.
Por tudo isso, dá para dizer: o final de 2012 e o ano de 2013 serão bem movimentados para os marvetes, né?
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...