terça-feira, 17 de julho de 2012

Zack Snyder na Comic-Con: “Superman é a joia na coroa da DC”

Por Judão

 San Diego Comic Con. Hall H. Ali, o que mais vale é impressionar as 7 mil pessoas ali presentes. Em uma ~tela de 180º, a Warner tentou fazer isso em seu painel – talvez para ajudar na divulgação de O Hobbit – Uma Jornada Inesperada e fazer algum uso prático daquele pôster gigantesco – mas o efeito colateral foi ter transformado a apresentação de Superman – O Homem de Aço em algo mais grandioso até do que o esperado, apesar de ter sido rápido.
Após uma apresentação que tomou toda a tela, o mediador Chris Hardwick chamou o diretor Zack Snyder para o palco, que, sem maior cerimônia, já chamou o teaser-trailer do filme – que chegará aos cinemas estadunidenses na próxima sexta-feira, junto com as cópias de Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge. E, cara, QUE teaser.
    Não dá pra saber ainda se o filme será bom, até porque o Snyder já demonstrou que realmente sabe fazer trailers. Todas as características do diretor estão lá, como cenas bonitas, tomadas pensadas fora da caixa, uma música que não estará no filme… Só faltou sloooow motioooon. Ainda bem.
    O teaser começa com algumas cenas lentas, em Smallville… Aos poucos, o vídeo ganha ritmo, mostrando Clark Kent em três fases distintas: criança, em um momento até vestindo um cobertor vermelho como se fosse uma capa; adolescente, salvando um ônibus escolar que caiu na água; e adulto, barbudo e mal vestido, provavelmente viajando pelo mundo. Um beijo, Christopher Nolan.
Depois vemos o momento no qual Jonathan Kent conta para o filho que ele não é deste mundo. Em seguida, vemos Clark buscando respostas e envolto de tecnologia que é, aparentemente, de Krypton. Ele conversa com seu verdadeiro pai, Jor-El, que mostra o S no peito. Ele então se torna aquela pessoa para a qual cresceu para ser, veste o uniforme azul, a capa e inicia seu vôo do ártico – ele, provavelmente, estava na Fortaleza da Solidão. A partir daí o teaser vira uma colagem de cenas, nas quais vemos Amy Adams de Lois Lane, pessoas sendo salvas, Kal-El com o corpo queimado pelas chamas, explosões, Superman preso pelo que parece ser o Exército, beijinho da Lois… E o Super sendo arremessado contra um cofre, formando aquela primeira imagem divulgada. O pacato repórter do Planeta Diário, a máscara que Kal-El realmente veste entre os humanos, quase não aparece no trailer, exceto no final, de relance, quando vemos parte do corpo do personagem e ele botando seus famosos óculos. Só que o elevador onde ele está fecha as portas antes de revelar o seu rosto…
Tudo isso embalado pela trilha criada por Hans Zimmer para o filme Além da Linha Vermelha, de Terrence Malick. Meio mela cueca, mas o Superman É mela cueca, por mais que ela agora esteja por dentro da calça…
Apesar de curto, o teaser tem muitas imagens que dão pistas do roteiro do filme. Na tal cena do ônibus há um dialogo em off, de uma mãe, falando que o filho viu o que Clark fez. Pelo jeito, a ideia de Clark ter salvo algumas pessoas antes de se tornar Superman, que foi explorado (de uma forma horrível) em Smallville e em HQs como Superman – Origem Secretaestará presente. Também chama a atenção o S no peito de Jor-El, o que revela que este é provavelmente a representação da casa de El, como já foi feito em algumas versões do personagem. Pelas cenas de Clark Kent com barba, é possível imaginar que veremos, mesmo que brevemente, o personagem vagando pelo mundo, ampliando seus conhecimentos, como foi na versão de John Byrne na HQ Man of Steel. Sobre a cena do Superman preso, é possível recordar de histórias em quadrinhos recentes, como a fase de Novo Krypton ou até mesmo a origem pós-reboot, feita pelo Grant Morrison.
Por fim, e não menos importante, a pergunta “Por que eu estou aqui?” permeia todo o teaser-trailer. Vejo nisso duas referências: uma a Superman: Earth One, que reconta a origem do Azulão transformando ele em um outsider, alguém que não se encaixa neste mundo. A outra é em relação aos filmes anteriores, que traziam essa função messiânica ao Superman, quase como um novo Jesus.
Após o trailer, Zack chamou Henry Cavill, o intérprete do Superman, para o palco, e revelou o novo pôster, que já publicamos aqui no Judão.
Com as perguntas abertas para a audiência, começaram a surgir novas informações. Um dos fãs questionou sobre as influências para o filme, quais HQs Zack Snyder usou como influência – afinal, o Superman já teve sete origens canônicas, fora as de universos paralelos e/ou fora da cronologia. O diretor desconversou e disse que pegou elementos de diversas HQs – o que realmente pareceu ao ver o trailer.
Só que há mais um detalhe: outro fã questionou ao Cavill quais foram as influências DELE para a interpretação do Superman. Ele respondeu que foi A Morte e o Retorno do Superman, além de Superman: Entre a Foice e o Martelo, que reconta o surgimento do personagem levando em conta que a nave dele teria caído na União Soviética em 1938 – e não nos EUA. Apesar de ser uma versão diferente, segundo o ator, é uma forma de entender quais são as características mais importantes do personagem, não importando de onde ele venha.
Essa resposta do Henry Cavill chama a atenção. Se ele leu A Morte e o Retorno do Superman, é porque alguém indicou. Será que foi o Zack Snyder? Será que ele teria coragem de, em algum dos próximos filmes, fazer o Azulão morrer e retornar? Hm…
O tema Liga da Justiça também esteve presente. Ao ouvir um fã perguntando se Homem de Aço poderia levar ao filme da equipe, Snyder respondeu que o seguinte:
“O Superman é a joia da coroa da DC. Nós estamos arrumando a casa dele. Quem sabe, depois disso…”
Em relação a trilha sonora, Snyder comentou que não usará nada do que foi feito por John Williams para os primeiros filmes, incluindo o famoso tema que todo mundo conhece. “Queremos que este filme seja visto como se não tivesse existido nenhum outro antes”, comentou o cara.
Pra terminar, um registro de um fã que esteve presente no Q&A. Ele, fã declarado do Superman, disse que não aguentava mais ser zoado pelos amigos por gostar do personagem, por conta de tudo aquilo que foi feito antes com ele não fazer juz ao grande herói que é. No entanto, depois de ver aquele teaser, ele agora acreditava que finalmente poderia bater no peito e falar: “o Superman é foda”.
Não diria que chega tanto a esse extremo, mas com certeza há potencial para fazer com que o Azulão seja respeitado a partir de agora. Será que Zack Snyder conseguirá o maior desafio de sua carreira?
Superman – O Homem de Aço estreia no Brasil (e nos EUA) dia 14 de Junho de 2013.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...