sexta-feira, 26 de setembro de 2014

COMO FOI: O II FÓRUM NACIONAL DE PESQUISADORES EM ARTE SEQUENCIAL

Teve início, no dia 10 de setembro, o II Fórum de Pesquisadores em Arte Sequencial, na cidade de São Leopoldo (RS). O Fórum reúne pesquisadores na área de Arte Sequencial, vindos de diversas partes do Brasil e com as mais variadas formações (artes, história, sociologia, teologia, antropologia, pedagogia, etc). O encontro está ocorrendo nas Faculdades EST e está tendo um número bem significante de participantes. ao todo serão apresentadas em três dias, 44 pesquisas. 

A abertura do encontro ficou por conta da pesquisadora canadense Christine Atchison,doutoranda em Estudos Culturais pela Kingston University de Londres. Em seguida tivemos as comunicações de pesquisas, ocorridas em três salas, todas com um bom público assistente. 

O Fórum de Pesquisadores em Arte Sequencial é uma inciativa da Associação de Pesquisadores em Arte sequencia, com  sede em Leopoldina (MG). É um evento acadêmico itinerante, que ocorre a cada dois anos e que tem se mostrado um ótimo espaço para troca de conhecimentos e para o nascimento de novas tendências em pesquisa, tanto com quadrinhos quanto com cinema  e animação.
No dia 11 de setembro o II FNPAS teve dois momentos distintos. Pela manhã, a palestra do
Frei Beto, parte do Encontro Internacional de Teologia da EST, no qual o FNPAS estava 

inserido, como um Simpósio Temático. 
No segundo momento, a tarde, tivemos uma mesa redonda“Religiosidades e quadrinhos
 brasileiros” com  Laudo Ferreira Jr. e  Amaro Braga.


A mesa colocou em pauta a produção de quadrinhos com temática religiosa. No caso de
Laudo, a produção de uma série de quadrinhos bíblicos,  
Yeshuah, publicado em 3
volumes,  a partir de estudos e pesquisas que ultrapassaram a simples leitura da Bíblia. 


Amaro Braga, além de produzir quadrinhos, é um pesquisador. Na sua apresentação
fez um breve panorama da presença do tema religiosidade em quadrinhos produzidos 

no Brasil, além de relatar sua experiência com produção e quadrinhos que 

abordavam práticas religiosas afro-brasileiras.


Esse foi, aliás, o momento de reunião dos participantes do II FNPAS, que mais
 tarde se dispersaram pelas três salas onde se realizaram as apresentações de comunicação. 


Os trabalhos se estenderam até as 18:30. As 19:00 houve o lançamento de livros
e quadrinhos na tenda montada em um praça, ao lado do prédio H. Além do 

lançamento, ainda um sarau, como MPB. 



O último dia foi marcado pela palestra de encerramento realizada pela jovem
pesquisadora canadense Christine Atchison. Christine abriu e fechou o nosso II FNPAS, 

com a diferença que nesse último dia tivemos a participação dos demais 

participantes do Encontro Internacional da EST, dentre eles delegações de outros 

países, que estavam ali para falar sobre quadrinhos em uma das mais renomadas 

instituições de ensino superior em teologia do Brasil.


E isso foi fantástico! 

Pessoas que nunca imaginaram que estariam numa universidade falando e ouvindo
 falar sobre quadrinhos e uma forma séria e com direcionamento científico.

Num balanço ainda não oficial do evento, ficamos sabendo que o II FNPAS foi o Simpósio
 Temático com maior participação dentro do Encontro Internacional e Teologia da EST,
tendo impressionado a organização geral do evento tanto pela procura quanto pela qualidade 

dos trabalhos apresentados. Por outro lado tivemos um grande interesse por parte de jovens 

estudantes e de professores de instituições de ensino superior em conhecer e até se filiar 

à ASPAS.

Por tudo isso, acho que já valeu a pena todo o esforço em idealizar e montar o evento.
E não há como não deixar de citar o empenho do Prof. Iuri Reblin, Coordenador da 

ASPAS, sem o qual não teríamos como realizar o nosso II FNPAS.

Eu gostaria de encerrar essa postagem com minha foto preferida do último dia:
associados, colaboradores e futuros associados da ASPAS, todos reunidos se 

confraternizando e ansiosos pelo nosso próximo encontro.

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...