quarta-feira, 6 de maio de 2015

Maus: autor fala sobre proibição da obra na Rússia

Com a comemoração dos 70 anos da vitória soviética sobre a Alemanha nazista se aproximando, a Rússia baixou uma nova lei proibindo a propaganda nazista em seu país. Mas como uma consequência da maneira que a lei foi escrita, obras que trazem a suástica podem ser enquadradas na proibição, mesmo se não apoiarem a ideologia nazista. E uma das vítimas é Maus, HQ premiada no mundo inteiro na qual Art Spiegelman narra a história de seu próprio pai, sobrevivente dos campos de concentração.
 
Quando soube do banimento, Spiegelman declarou "É uma vergonha, porque este livro é sobre memórias, e nós não queremos que as culturas apaguem memórias. Eu não acredito que Maus seja o alvo desta lei, mas creio que ela teve um evento intencional de sufocar a liberdade de expressão na Rússia".
 
Maus, de Art Spiegelman, conta o relato comovente de Auschwitz e um acerto de contas do artista com o pai. Publicado originalmente por aqui em duas partes pela Editora Brasiliense, Maus ganhou o prestigioso Prêmio Pulitzer de literatura e se tornou um sucesso estrondoso de público e de crítica. Desde que foi lançado, tem sido objeto de estudos e análises de especialistas de diversas áreas - história, literatura, artes e psicologia. A mais recente edição é da Cia das Letras.

Via HQM
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...